Pontal do Araguaia sofre com problemas de coleta de lixo nas margens do Rio Araguaia

image_pdfGerar PDFimage_printImprimir

Uma semana após a visita do presidente da república Jair Bolsonaro (5) para lançamento de programa ambiental para salvar o Rio Araguaia, é possível perceber que a luta será árdua. Na cidade de Pontal do Araguaia, o principal problema são com os dejetos depositados nas margens do Rio.

O lixo, aliás, é um problema constante na cidade. Pela falta de um local correto para o depósito dos dejetos, os terrenos vazios da cidade acabam sendo destino para toneladas de lixo. Até mesmo terrenos que não ficam na beirada dos rios, Garças e Araguaia, também acaba sofrendo.

Alguns grupos se organizam para realizar, de tempos em tempos, recolhimento dos rejeitos. O grupo “Desafio do lixo eu fiz” realizou no mês de abril uma caminhada ecológica para retirada de dejetos pela cidade. O grupo contou com parceria da secretaria de Obras, que participou com o maquinário para o recolhimento. Na caminhada em questão, foram recolhidos lixos domésticos, restos de materiais de construção, animais mortos e sobras de açougues.

Participante do grupo e também vereadora da cidade, Fabiana Corte (PSD) pede a ajuda da população para não depositar esses materiais nessas áreas “precisamos fazer a nossa parte, vamos cuidar do meio ambiente e do nosso munícipio” completou.

Em vídeo publicado no canal JP do Araguaia, no YouTube, nesse último dia 13 de junho, as imagens são preocupantes. As margens do Rio Araguaia lotadas de dejetos espalhados pelos terrenos, praias e até mesmo no próprio rio. As imagens do vídeo são gravadas em um trecho próximo ao bairro Luzia Maria de Moraes, em Pontal do Araguaia. (Por: João Pedro Donadel/Da Redação)

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *